Cadastre-se e receba nossas novidades:

Notícias

Petrobras reafirma retomada da indústria offshore nacional

Gerente geral da Bacia de Campos garante investimentos e afasta rumores de desmobilização

Em 14/12/2017 às 14h33


Versão para impressão
Enviar por e-mail
RSS
Diminui o tamanho da fonte Aumenta o tamanho da fonte

Marcelo Batalha, gerente geral da Unidade de Operações da Bacia de Campos Marcelo Batalha, gerente geral da Unidade de Operações da Bacia de Campos
Com um sistema integrado capaz de produzir 1,2 milhão de barris diários de petróleo e de extrair e processar 22 mil metros de gás na Bacia de Campos, a Petrobras reafirma o cenário de retomada da indústria do petróleo no país.

E para esse recomeço, a companhia reafirma a importância do ativo construído em Macaé como parte fundamental para a manutenção do atual sistema de produção, além de viabilizar novas atividades já planejadas através dos novos leilões.

Na reunião de encerramento das atividades da Rede-Petro Bacia de Campos, o gerente geral da Unidade de Operações da Bacia de Campos (UOBC), Marcelo Batalha, apresentou a estratégia da companhia para as atividades na principal região produtora de petróleo no país.

Segundo Batalha, dentro de um processo de reestruturação organizacional, com base no início de operação de novas plataformas na Bacia de Santos, a UOBC assumirá a gestão de novas unidades de produção.

"Hoje a UOBC é responsável por 34 plataformas em operação. Com esse novo arranjo, essa gestão passa a ser para 43 unidades, repassadas pela UORio", explicou.

Essa alteração, que envolverá também a UO Espírito Santo, manterá o mesmo ritmo de produção da Bacia de Campos, mas movimentará os sistemas de logística utilizados pela companhia em Macaé e outras cidades produtoras.

Batalha afirmou também que a Petrobras investirá na revitalização do Campo de Marlim, um dos principais polos de produção do país, o que vai gerar demandas de produtos e serviços.

Autor: Márcio Siqueira marcio@odebateon.com.br

Foto: Márcio Siqueira


    Compartilhe:

Tags: economia, offshore


View Site in Mobile | Classic
Share by: