Cadastre-se e receba nossas novidades:

Notícias

Flávia Vasconcellos conta em livro as aventuras poéticas na Via Láctea

A jornalista, astróloga e poetisa, Flávia Vasconcelos de Brito, lança o seu quarto livro infantil de poesia sobre planetas, estrelas e asteróides

Em 03/01/2018 às 11h29


Versão para impressão
Enviar por e-mail
RSS
Diminui o tamanho da fonte Aumenta o tamanho da fonte



A fada Juno parte numa aventura ousada: decide descobrir onde é o início e o ponto final do universo! Esta é a história do livro ‘Juno e os Mistérios do Céu’, a última novidade da jornalista, astróloga e poetisa Flávia Vasconcelos de Brito, que acada de lançar no mercado.

O livro infantil estimula as crianças a terem maior consciência ecológica e cósmica, por meio da poesia e de uma história lúdica sobre os planetas e luminares da Via Láctea, visando ainda despertar valores humanos e alargar a percepção planetária. 
Esta nova obra infantil aborda os mistérios do céu e como os planetas nos afetam no cotidiano, como os dias e as noites, e as estações do ano. ‘Juno e os Mistérios do Céu’ é o quarto livro infantil da escritora.

‘Juno e os Mistérios do Céu’

"Uso linguagem lúdica e várias partes com rima para contar esta verdadeira odisseia da fadinha Juno, em busca de respostas sobre a imensidão do céu e sua beleza sem fim", informa a escritora, acrescentando que o principal propósito do livro é despertar valores humanos preciosos nas crianças, tais como ecologia, fraternidade e humanidade (uma unidade). "Somos todos um, em eterna composição. Os planetas fazem parte do nosso dia a dia, estamos num sistema entrelaçado, cheio de magia e movimento", declara Flávia. 

Para a escritora, escrever para o público infantil faz parte de um propósito existencial, para espalhar conhecimento por meio da literatura e reforçar o prazer pela leitura como ferramenta de evolução intelectual. "Só conseguimos mudar o mundo por meio da educação e da cultura. Estimular crianças conscientes significa adubar o solo criativo do nosso Brasil. Os meus talentos estão a serviço do bem maior", diz a poeta. "Divulgo o idioma como caldeirão de palavras mágicas. Quanto mais se lê, mais possibilidades e imaginação", afirma. 

Autor: Isis Maria Borges Gomes isismaria@odebateon.com.br

Foto: Nereida & Mireia Phorography


    Compartilhe:

Tags: entretenimento


View Site in Mobile | Classic
Share by: